PortimãoOs deputados municipais do Bloco de Esquerda, na sessão da Assembleia Municipal do passado dia 27 de Novembro, votaram contra os privilégios concedidos à empresa privada ParkAlgar, responsável pela construção do futuro Autódromo na Mexilhoeira Grande. O Bloco de Esquerda de Portimão rejeitou vigorosamente os acordos existentes entre a Câmara Municipal e a ParkAlgar e denuncia-os publicamente.

Comunicado do secretariado do núcleo de Portimão do Bloco de Esquerda

O Secretariado do Núcleo do BE Portimão, congratula-se com a posição que os representantes do Bloco de Esquerda tomaram na sessão da Assembleia Municipal do passado dia 27 de Novembro, ao terem votado contra os privilégios concedidos à empresa privada ParkAlgar, responsável pela construção do futuro Autódromo na Mexilhoeira Grande. Com efeito, o Bloco de Esquerda rejeitou vigorosamente os acordos existentes entre a Câmara Municipal e a ParkAlgar e denuncia-os publicamente.

As propostas da Câmara PS, com o apoio dos vereadores do PSD e do CDS/PP, e que foram levadas à Assembleia Municipal para deliberação foram as seguintes: alienação em direito de superfície de 2 terrenos com a área de 421 500 m2 e de 1 896 500 m2, pelo prazo de 99 anos, no valor global de 1 740 000 €, para a implantação do Parque de Desportos Motorizados de Portimão -"ParkAlgar"; isenção das taxas de IMI e de IMT, por um período de 10 anos, à ParkAlgar. Além destas propostas, a Câmara também vai isentar a Parkalgar, por um período de 12 anos, do pagamento de todas as taxas de publicidade, taxas de urbanização e infra-estruturas e taxas de licenças de construção e de habitabilidade (abrangendo um hotel de 5 estrelas e 160 vivendas a construir no local). Por outro lado, a Parkalgar nada pagará à Câmara pelo valor dos terrenos durante os primeiros 12 anos, pagando-os nos restantes 87 anos, o que dá uma média de 20 000 € por ano. Como se sabe, só o valor de um dos terrenos adquiridos pela Câmara custou ao erário municipal a quantia de 1 350 000 €. E também vai construir as vias de acesso ao empreendimento, contribuindo para a concretização do mesmo.

Tal como o Bloco denunciou na Assembleia Municipal, as condições usufruídas pela ParkAlgar constituem uma vergonha e um escândalo, trata-se de um autêntico "negócio da China" para o promotor, (para as petrolíferas e para as grandes marcas automobilísticas):

- A Câmara Municipal não salvaguarda o interesse público e favorece os interesses privados - o preço a pagar pela ParkAlgar é irrisório e não tem em conta a inflação/desvalorização ao longo de 99 anos e quando ao fim de um século, imagine-se, os equipamentos ao passarem para o Município estarão obsoletos e degradados. Será que ainda existirá Fórmula 1 e provas de automobilismo?

- Este acordo contribui para a alienação das gerações futuras no Município de Portimão - seriam admissíveis acordos a 25/30 anos, prorrogáveis e com a actualização das condições.

- Trata-se de uma situação de privilégio em relação à ParkAlgar e de discriminação sobre outros investidores - isentando-os de taxas, pois também contribuem para o desenvolvimento económico e social do Concelho, embora todos devam pagar.

- a Câmara penaliza e discrimina os cidadãos do Concelho aplicando a taxa máxima de IMI, quando concede privilégios aos grandes grupos económicos - uma proposta apresentada pelo BE na Assembleia Municipal para a redução da taxa de IMI para 2007 foi reprovada pela maioria PS.

É de salientar que na Assembleia Municipal o Bloco de Esquerda não se manifestou contra a implantação do projecto do Parque de Desportos Motorizados, (embora manifeste algumas reservas), pois sabemos que o mesmo originará postos de trabalho e contribuirá para o desenvolvimento do Concelho e do Algarve. Está sim contra as condições acima expostas.
Finalmente, este escândalo não responsabiliza e envolve apenas a Câmara governada pelo Partido Socialista - pois tal como sucedeu em reunião de Câmara, também na Assembleia Municipal, além da maioria PS, os representantes do PSD e do CDS/PP votaram a favor do acordo. Mo Município de Portimão temos a funcionar um verdadeiro bloco central dos interesses, alargado. Oposição alternativa, só com o Bloco de Esquerda.

O Secretariado do Núcleo BE Portimão

XI Convenção do Bloco de Esquerda

Propostas do Bloco para a habitação

Autarquias

adere

Vídeos

Tempo de Antena - Março 2018

resolucoes

 

videos bloco

 

tempos antena

Esquerda Europeia