×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 72
segunda, 14 setembro 2009 14:39

“Sócrates tem medo de uma esquerda forte e de solidariedade”

Almoço do Bloco em Abrantes. Foto de Paulete MatosNum almoço que juntou cerca de 350 pessoas em Alferrarede (Abrantes), Louçã afirmou que ao escolher Bloco como alvo principal, Sócrates e o PS mostram que têm medo do Bloco, "medo de uma esquerda forte e de solidariedade". Louçã criticou ainda a política de "prepotência, abuso e desigualdade" lembrando os prémios pagos a administradores da PT e as parcerias público-privadas na saúde. Vê as fotos.
 

"Eu sei que José Sócrates nos dirá nestas duas últimas semanas que tem medo do Bloco, dirá o mais espantoso, estou mesmo preparado para o ouvir dizer que se o Bloco ganhar então o trigo crescerá para dentro da terra em vez de crescer em direcção ao sol", considerou Louçã, frisando que o PS "medo de uma esquerda forte e de solidariedade".

Criticando a política de "prepotência, abuso e desigualdade" Louçã exemplificou com os prémios pagos a administradores da PT e as parcerias público-privadas na saúde.

"A administração da PT, uma das maiores empresas portuguesas, pagou 6 milhões de prémios aos seus quatro administradores, os administradores pagam-se a si próprios prémios generosos porque impuseram aos trabalhadores aumentos de zero ou de um por cento. Que generosidade extraordinária! Esta é a forma como a economia é governada", ironizou Louçã..

A entrega da gestão do hospital de Loures ao grupo Espírito Santo também não escapou à crítica: "Este contrato permite que este consórcio vá construir aquilo que é de todos, pago com o dinheiro de todos, para gerir o que é de todos", desse Louça, lembrando que a gestão privada é um negócio para recompensar os capitais privados, não é um serviço para as pessoas".

Quanto às eleições, Louçã lembrou que o Bloco foi a terceira força mais votada no distrito de Santarém nas europeias, ultrapassando os 13%, e manifestou-se confiante que José Gusmão, o cabeça-de-lista do Bloco pelo distrito, vai ser eleito para a Assembleia da República.

José Gusmão aludiu à obcessão do Primeiro-Ministro. "José Sócrates tem insónias com o Bloco e quando adormece tem pesadelos com o Bloco". E concluiu: "Paulo Portas anda obcecado em perseguir o mais pobres dos pobres, Manuela Ferreira Leite anda obcecada com o défice, José Sócrates anda obcecado com o Bloco".

Partilhar


XI Convenção do Bloco de Esquerda

Propostas do Bloco para a habitação

Autarquias

adere

Vídeos

Tempo de Antena - Março 2018

resolucoes

 

videos bloco

 

tempos antena

Esquerda Europeia