quarta, 05 fevereiro 2014 17:41

Greve dos controladores aéreos

Greve dos controladores aéreos

Os controladores aéreos (NAV) pa­ralisaram contra o desmembramento da empresa e a perda da sobe­rania sobre o “céu aberto” para a União Europeia. 27 voos foram cancelados com a greve dos controladores aéreos. 

A greve parcial dos controladores aéreos desta quinta-feira está a gerar perturbações nos aeroportos de Lisboa e Porto, com alguns atrasos e cancelamentos de voos. A paralisação, que é coordenada pela Federação Europeia dos Sindicatos de Controladores de Tráfego Aéreo e pela Federação Europeia dos Trabalhadores dos Transportes, faz parte de uma acção conjunta dos controladores europeus contra os termos da reformulação do chamado “Céu Único Europeu”.

Em causa está um pacote legislativo a nível comunitário que os trabalhadores da NAV dizem vir fragmentar os actuais prestadores nacionais de serviços de navegação e impor reduções de custos no sistema.

Num comunicado publicado na última sexta-feira, o Sindicato dos Controladores de Tráfego Aéreo dizia que o projecto conduz à “degradação das empresas [de navegação aérea], a uma inexorável degradação das condições de segurança e qualidade do serviço prestado”.



Artigo publicado na newsletter da Coordenadora Nacional do Trabalho do Bloco de Esquerda.  

Partilhar


XI Convenção do Bloco de Esquerda

Propostas do Bloco para a habitação

Autarquias

adere

Vídeos

Tempo de Antena - Março 2018

resolucoes

 

videos bloco

 

tempos antena

Esquerda Europeia